Fotos e Histórias · Photos and Stories

Pastelaria na Rotunda da Boavista, Porto

A lista com todos os bolos que identificámos e vamos ter no livro Fabrico Próprio está agora completa. Contudo, nem todos os bolos têm fotografia, pois não conseguimos ainda, nas nossas muitas incursões por pastelarias das zonas do Porto, Lisboa e mais além, fotografar todos os espécimens que encontramos. Por isso precisamos da vossa ajuda.

The list of all the cakes we have identified and will feature in the Fabrico Próprio cake is now complete. However, not all the cakes there have a photo, as we haven’t, in our many incursions in pastelarias in the Porto and Lisboa areas, and beyond, been able to photograph all the specimens we have found. And that’s why we need your help.

Continue reading “Fotos e Histórias · Photos and Stories”

Grazie Giorgio!

Muitas vezes nos perguntam como é que nos lembrámos de começar a pensar em bolos e na sua ligação com o design, e porque é que nos metemos nisto a ponto da ideia inicial ter agora uma dimensão que nem nós prevíamos alcançar, e receber uma atenção que nunca pensámos ter.

Bom, o culpado inicial é o designer veneziano Giorgio Camuffo, que nós conhecemos durante o tempo em que vivemos em Itália e trabalhámos na Fabrica, o centro de pesquisa em comunicação da Benetton. O Giorgio costumava liderar o programa de workshops da Fabrica, e para além do seu trabalho como professor na IUAV tem o seu estúdio de design. E é a partir do seu estúdio que ele publica a revista Sugo, que junta contribuições dos seus amigos de todos os pontos do Mundo e que ele publica quando lhe apetece. E foi para a Sugo que o Giorgio pediu ao Frederico, no fim de 2005, para mandar notícias de Lisboa, pois a Sugo iria ter uma nova secção de notícias de várias cidades.

We often get asked how did we thought of starting to think about cakes and their connection to design, and why did we get ourselves in this to the point our initial idea now reaches a dimension we could never even start to ponder, and to get the attention we never thought to have.

Well, the initial culprit of all this is the Venetian designer Giorgio Camuffo, whom we met during the time we lived in Italy and worked in Fabrica, Benetton’s communication research centre. Giorgio used to head Fabrica’s workshop programme, and besides his work as a professor at IUAV he runs his own design studio. And it is from his studio that he publishes Sugo Magazine, that gather contributions from his friends form all over the world, and that he publishes whenever he wants to. And it was for Sugo that Giorgio asked Frederico, in the end of 2005, to send news from Lisbon, as Sugo was going to have a new section dedicated to news from various cities.

Continue reading “Grazie Giorgio!”

Leila’s Shop

Em Londres encontrámos, graças à Bethany, uma embaixada perfeita para a Pastelaria Semi-Industrial Portuguesa.
Chama-se Leila’s Shop, é um café/mercearia com 3 mesas, um balcão e uma cozinha tudo na mesma sala, onde o pequeno-almoço vai à mesa na frigideira, o leite UCAL bebe-se com palhinha e onde ao domingo (e só ao domingo) há natas e bolos de arroz. A Leila é a dona e escolhe criteriosamente o que vende na sua loja: legumes locais, rábano polaco e chocolate francês. E claro, algumas pérolas de Portugal como água das pedras e os nossos dois mais famosos bolos.

Na manhã do último domingo de Outubro também estava a vender os livros das 100 cadeiras do Martino Gamper. Ele apareceu mesmo para um café na esplanada (está na fotografia a falar ao telemóvel, na última foto “depois do salto”), e depois de conversarmos com ele comprámos o livro.

A Leila sabe que livros e bolos têm tudo a ver.
Fica na Calvert Avenue, mesmo a chegar a Arnold Circus, em Shoreditch.

A irmã da Leila, a Alix (que nos explicou as ligações da família a Portugal), fez um post no blog dela sobre a loja após a nossa visita.

In London we found, thanks to Bethany, a perfect embassy for Semi-Industrial Portuguese Confectionery.
It’s called Leila’s Shop, it’s a café/deli with 3 tables, a counter and a kitchen all in the same room, where breakfast arrives to the table in the pan, UCAL milk is dunk with a straw and where on Sundays (and only on Sundays) there’s natas and bolos de arroz (rice cakes). Leila is the owner and she chooses carefully what she sells in her shop: local vegetables, Polish horseradish and French chocolate. And naturally, some Portuguese pearls like água das pedras (the best carbonated water in the world) and our two most famous cakes.

On the morning of the last Sunday of October it was also selling Martino Gamper’s 100 chair books. He even popped in for a coffee (he’s talking on the phone in the last photo “after the jump”), and after having a chat with him we bought the book.

Leila knows books and cakes are a perfect match.
It’s on Calvert Avenue, close to Arnold Circus, in Shoreditch.

Leila’s sister, Alix (who explained us the family’s connections to Portugal), wrote a post on her blog about the shop after our visit.

Continue reading “Leila’s Shop”

Enciclopédia · Enciclopaedia

A parte principal do livro Fabrico Próprio consistirá no registo fotográfico e enciclopédico de todos os bolos que identificamos em Portugal como Pastelaria Semi-Industrial Portuguesa (ver lista do lado direito). Para tal, temos estado a trabalhar com a artista plástica e fotógrafa Soraya Vasconcelos, onde em várias sessões, e depois de escolhermos cuidadosamente os espécimens a fotografar em vários cafés e pastelarias na região de Lisboa, os preparamos e fotografamos pacientemente. Em breve faremos a última sessão fotográfica no Porto, para onde a Soraya se mudou recentemente.

The main part of the Fabrico Próprio book will consist of the photographic and encyclopaedic record of all the cakes we have identified in Portugal as Portuguese Semi-Industrial Confectionery (see list on the right). For that, we have been working together with photoprapher and artist Soraya Vasconcelos where in several sessions, and after careful picking the later photographed specimens in various shops and cafés in the Lisbon region, we prepare and photograph them patiently. Soon we will conduct the last photo session in Porto, where Soraya recently moved to.

Continue reading “Enciclopédia · Enciclopaedia”