4 Replies to “Rosa da Holanda”

  1. Aqui ha uns anos, encontravam-se nas pastelarias da Cidade de Tomar, uns bolinhos cobertos com um creme de manteiga cor-de-rosa e polvilhados com coco ralado que se chamavam “rosas de Tomar”; nao sei se ainda se confeccionam , mas faziam parte dos lanches que, ao domingo, muitas familias comiam nas pastelarias de Tomar, juntamente com um tradicional galao, depois de um passeio pelos jardins da cidade e pelas margens do Nabao.
    Ha outras especialidades (http://tomar.com.sapo.pt/docvinho.html), mas lembro-me sempre destes bolinhos por serem muito agradaveis a vista mas tremendamente enjoativos…!

    Sonia Luisa G Sardinha

  2. Pensei que estes bolos já nem sequer existiam; tenho 45 anos e é uma recordação de infância:sempre que a mãe ia à Baixa, trazia Rosas!
    De vez em quando ainda vou à pastelaria, mas nunca mais as lá vi – por isso agora foi mesmo revivalismo!…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.